quarta-feira, 31 de outubro de 2007

.quem não gosta, não come e mete na borda do prato!

Pessoas que insistem em ver coisas em mim que são mentira, que eu não sou assim. Magoa-me muito e não direi que não. Que me fazem chorar vezes sem conta por me atirarem à cara coisas que espero nunca ser e muito menos o sou agora. Pessoas me dizem para seguir em frente e não ligar, não consigo. Magoa.
Talvez a culpa seja minha e não me mostro totalmente o que sou, levando as pessoas a pensar que sou o que de mais mau pode existir e eu penso: não sou assim. mas talvez seja e não o saiba? Cmo saberei? Pois bem, quanto ao estragarem a minha auto-estima, isso ja' conseguiram parabéns!
Por vezes gostava de puder dizer: quem não gosta, não come e deixa na borda do prato; mas não consigo porque não sou assim, magoa.
Um até mais lgo a essas pessoas que agora até o contacto diário parece dificil!
Um até já bem comprido...



agradecimentos: ele&ela

6 comentários:

Ricardo Vitorino disse...

espero nao ser eu...

mas tb penso isso, tb custa dizer isso pk magoa.

bom pekeno texto, ta forte!

bj

soft disse...

pergunta em q é q essa pessoa se fundamenta para dizer tal coisa...

o q interessa é q n és assim e q os teus amigos tmb n acham que sejas!


bjinhs!

Edu... disse...

compreendo!!

Mais um pequeno grande texto

continua

**

Mary disse...

com o tempo aprenderás a não dar importância a essas coisas e a tua auto-estima não será quebrada pois aprenderás que a pessoa mais importante és tu.* força e bjs

Minhocas na Maçã disse...

Um até já, até um dia destes. Não gosta, não come. Nao consegues? Dizes mais vezes, vais ver que te habituas. Não importa o que eles pensam, tu sabes o teu valor, e há quem saiba também.

Anónimo disse...

Também passo por isso às vezes. Dizem que o que mais custa são as primeiras vezes. Depois habituas-te.
O que acontece comigo é que por vezes deixo de ficar calada e aí sim, as pessoas ouvem tudo aquilo que não desejariam - a verdade nua e crua. Dizem o que querem... pois olha, ouvem o que não querem...

Pior ainda é receberem um tratamento VIP: DESPREZO.

Lixa-te para essas pessoas...

Bjokas*